Quarta-feira, 18 de Julho de 2007

Egoísta

Começo de força bruta
Determinação de deleite,
Remo cega contra a puta.
Sem preocupações,
Sem consciência.
Contra todos os corações
Uma vez destroçados.
Arrogância protectora
Vestida de emoções douradoras.
Tantas dores já sofridas.
Sem conexão, sem coesão.
Moinhos, quem pensais vós ser?
Despertadores de mentes!
Deviam ter vergonha!
A mim já não me engano.
Só em mim me liberto.
Sou egoísta.

Concha Branco

publicado por MrJam às 13:57
| Comentar | Adicionar aos favoritos
|
2 comentários:
De Ana a 20 de Julho de 2007 às 16:55
quem é concha branco?


De homem ovo a 21 de Julho de 2007 às 15:52
queres conhecê-la?


Comentar post

O Autor

Pesquisa

 

Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

22
23
24
25
26
27

28
29
30


Últimas obras publicadas

Trabalho em Belém

Por do Sol de Verão

COR CIDADE

David

Piteira de volta... artis...

Valentino

Apresentação

DESPEDIDA ANUNCIADA

...

IntraRail

Arquivos

Setembro 2008

Julho 2008

Abril 2008

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

tags

todas as tags

Participar

Participe neste blog

Visitas a partir de 25 de Janeiro


Contador Gratis